Blog Daora

PUBLICIDADE
Topo

Blog Daora

Credo, que delícia

Pedro Marques

09/11/2018 18h53

Filé à parmegiana invertido, do Bistrô da Enoteca (crédito: Divulgação)

Que a criatividade do brasileiro na cozinha não tem limites, a gente já sabe. Invenções como pizza de frango com batata frita, taça salgada de estrogonofe, sushi de morango ou pão francês com leite condensado na chapa são coisas que causam tristeza em quem gosta de comer bem. Tudo bem gostar de uma gororoba de vez em quando, mas algumas combinações são intragáveis.

Fruta de carne do chef Heston Blumenthal (crédito: Wikicommons)

Nem toda invenção é horrível, felizmente. A "esperança", por assim dizer, veio com uma foto de um filé à parmegiana invertido, servido no Bistrô da Enoteca, em São Bernardo do Campo. De cara, pensei: "Ah, não, mais uma bizarrice culinária!" Depois de alguns minutos, porém, vi que o prato tinha bons ingredientes e, apesar de não merecer o nome "parmegiana", a combinação podia ser boa. Afinal, o prato tinha filé mignon, molho de tomate feito na casa e uma fatia de queijo empanada.

Moqueca da chef Helena Rizzo, do Maní (crédito: Lufe Gomes/Divulgação)

Na sequência, lembrei de alguns chefs, brasileiros e estrangeiros, que fizeram suas invenções e se saíram bem. O chef Heston Blumenthal, dos restaurantes The Fat Duck e Dinner, na Inglaterra, criou uma "fruta de carne", que na verdade é um patê de fígado de galinha e foie gras. O catalão Ferran Adrià, que comandou o premiado e hoje extinto El Bullí até o começo desta década, fez azeitonas líquidas, entre outras maluquices.

Aqui no Brasil, a chef Helena Rizzo, do Maní, tem sua versão de moqueca desconstruída, em que caldo e outros acompanhamentos são servidos separadamente. Já o chef Jefferson Rueda, da Casa do Porco, faz um inusitado sushi de papada de porco que agrada tanto brasileiros quanto orientais.

Em todos esses casos, as invenções não ficaram ruins, pelo contrário. O que importa, mesmo, é que os chefs saibam equilibrar sabores e apresentações – algo que demanda bagagem e técnica. Da próxima vez que se deparar com alguma coisa maluca, portanto, não tenha preconceito. Você pode se surpreender.

Bistrô da Enoteca
Onde: Avenida Kennedy, 38, Jardim do Mar, São Bernardo do Campo
Telefone: (11) 2833-2883

Sobre o autor

Pedro Marques já trabalhou em redações e restaurantes, viajou bastante pelo Brasil e pelo mundo para comer e beber bem e trabalha como jornalista de gastronomia desde 2010.

Sobre o blog

Aqui você fica sabendo sobre as coisas mais “daora” dos bares e restaurantes de São Paulo! E outras nem tão daora assim.

Blog Daora